Lançamento dos Cadernos de Filosofia Extravagante este Sábado em Sesimbra

O mais recente número dos Cadernos de Filosofia Extravagante, dedicado à memória do filósofo António Telmo, é agora editado com a chancela da Zéfiro. O lançamento é já no próximo Sábado, 26 Nov, pelas 15h na Biblioteca Municipal de Sesimbra.

Este original projecto “extravagante”, convida o leitor a uma viagem para além do comum e apresenta o pensamento filosófico português na sua componente mais profunda e “operativa”, enquanto motor de transformação e regeneração do ser humano.

António Telmo (falecido em 2010), filósofo do Espírito e da Portugalidade, um dos representantes mais eminentes da Filosofia Portuguesa, privou com Agostinho da Silva e outros pensadores portugueses de relevo. Foi também quem imaginou, concebeu e fundou estes Cadernos. Tornou-se conhecido pelas suas obras inovadoras, em particular a História Secreta de Portugal, Filosofia e Kabbalah e Gramática Secreta da Língua Portuguesa. Mais recentemente, numa edição póstuma, a Zéfiro editou A Aventura Maçónica, onde o autor apresenta uma reflexão esotérica sobre o seu percurso maçónico, num contexto iniciático e espiritualista, percurso esse já anteriormente abordado de forma mais velada em Congeminações de um Neopitagórico.

Nesta edição encontram-se diversos textos e entrevistas inéditas de António Telmo, incluindo cartas trocadas com Agostinho da Silva, António Quadros, Dalila Pereira da Costa, Álvaro Ribeiro e José Marinho, que são agora dadas a conhecer ao público pela primeira vez. Para além disso, inclui-se as actas do Colóquio “A Obra e o Pensamento de António Telmo”, ocorrido em Fevereiro passado no Palácio da Independência, em Lisboa, bem como diversos testemunhos e reflexões de amigos do filósofo que não tiverem oportunidade de participar nessa comemoração.

A coordenação dos textos foi feita por Pedro Martins e Renato Epifânio, contando com textos de Pinharanda Gomes, António Carlos Carvalho, Abel de Lacerda Botelho, António Braz Teixeira, Joaquim Domingues, António Quadros Ferro, Pedro Sinde, Manuel Ferreira Patrício e António Cândido Franco, entre outros. A edição contou com o apoio do Círculo António Telmo, da Nova Águia, do MIL – Movimento Internacional Lusófono, do Instituto de Filosofia Luso-Brasileira e do Município de Sesimbra.

“Um dos sinais do Quinto Império é que ainda há andorinhas.

O provérbio diz que uma andorinha não faz a Primavera. Mas eu acho que faz.

Enquanto houver um homem onde resida a espiritualidade há sempre um princípio do Quinto Império.”

António Telmo

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on pinterest
Share on whatsapp
Subscrever
Notificar-me de
guest
0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments
  • Sobre

    Olá a todos, sejam muito bem-vindos! O meu nome é Sofia Teixeira e sou a autora do BranMorrighan, o meu blogue pessoal criado a 13 de Dezembro de 2008.

    O nome tem origens no fantástico e na mitologia celta. Bran, o abençoado, e Morrighan, a deusa da guerra, têm sido os símbolos desta aventura com mais de uma década, ambos representados por um corvo.

    Leituras da Sofia

    Apneia
    tagged: currently-reading
    A Curse of Roses
    tagged: currently-reading

    goodreads.com

    2021 Reading Challenge

    2021 Reading Challenge
    Sofia has read 0 books toward her goal of 40 books.
    hide

    Categorias do Blog

    Subscritores do blog

    Recebe notificação dos novos conteúdos e partilhas exclusivas. Faz parte da nossa Comunidade!