Festival Pagão – Imbolc

Bênçãos Brilhantes e um Bom Imbolc para todos!

«Imbolc – O Leite da Deusa

Imbolc é uma palavra de origem gaélica que significa “gravidez das ovelhas” ou “leite das ovelhas”, ligada ao nascimento das primeiras crias, que ocorrem geralmente por volta desta altura. (…)

Tratando-se de uma festividade femina ligada à Deusa, está particularmente associada à deusa Brígida, que foi cristianizada como uma santa com o mesmo nome. Brígida é uma deusa tutelar dos poetas, dos ferreiros e dos curadores. O seu santuário mais conhecido, e de origens pré-cristãs, encontra-se na Irlanda, em Kildare (cujo nome significa “Igreja do Carvalho”). Trata-se de um lugar sagrado desde tempos remotos, onde existia uma fogueira com um fogo perpétuo, mantido por 19 sacerdotizas, segundo a tradição. É interessante assinalarmos que o número 19 no Tarot corresponde à carta do sol e está também ligado ao ciclo astronómico de Meton, que simboliza o “casamento alquímico” das duas polaridades energéticas, masculina e feminina, representado pelas posições do sol e da lua nos céus. Posteriormente, com a cristianização, o culto da chama perpétua terá sido perpetuado já no mosteiro. Curiosamente, era um dos raríssimos mosteiros cristãos primitivos que albergava no seu seio tanto homens como mulheres.

O culto do fogo perpétuo tem raízes na aurora da humanidade, para quem este fogo era essencial para a sua própria sobrevivência. Esta data foi cristianizada com o nome de Nossa Srª das Candeias, ou Candelárias, no dia 2 de Fevereiro, sendo uma festa igualmente feminina onde é habitual haver uma cerimónia de benção e procissão das velas.»

Alexandre Gabriel in “Mandrágora – O Almanaque Pagão – 2011: No Bosque Sagrado dos Druidas”

www.zefiro.pt

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on pinterest
Share on whatsapp
Subscrever
Notificar-me de
guest
1 Comentário
Mais antigo
Mais recente Most Voted
Inline Feedbacks
View all comments
*Nightwish*
*Nightwish*
9 anos atrás

Quando era miudinha contaram-me a história da cerimónia da Candelária: se durante este dia fizesse bom tempo, então ainda nos aguardariam dias de inverno, se fizesse mau tempo, o inervo estava no fim. Até havia uma rima sobre isso, que acho que é assim: "Quando a Candelária chora, está o inverno fora. Quando a Candelária ri, está o inverno para vir".
Esta é só mais um ritual pagão que foi transformado para a fé cristã… A bom ver, eles não têm praticamente nada que seja realmente deles.
Bjs*

  • Sobre

    Olá a todos, sejam muito bem-vindos! O meu nome é Sofia Teixeira e sou a autora do BranMorrighan, o meu blogue pessoal criado a 13 de Dezembro de 2008.

    O nome tem origens no fantástico e na mitologia celta. Bran, o abençoado, e Morrighan, a deusa da guerra, têm sido os símbolos desta aventura com mais de uma década, ambos representados por um corvo.

    Subscritores do blog

    Recebe notificação dos novos conteúdos e partilhas exclusivas. Faz parte da nossa Comunidade!

    Categorias do Blog

    Leituras da Sofia

    Apneia
    tagged: currently-reading
    A Curse of Roses
    tagged: currently-reading

    goodreads.com

    2021 Reading Challenge

    2021 Reading Challenge
    Sofia has read 0 books toward her goal of 40 books.
    hide