Opinião: Um Atalho no Tempo de Madeleine L’Engle

Um Atalho no Tempo

Madeleine L’Engle

Editora: Oficina do Livro

Sinopse: Quando a história começa, as personagens principais, Meg Merry e o seu irmão mais novo, Charles Wallace, vivem com a mãe e os irmãos, Sandy e Dennys. Meg tem dificuldade em adaptar-se à escola e sente a falta do pai, um cientista, que desapareceu há mais de um ano enquanto efetuava uma experiência que envolvia viajar no tempo. Um ser estranho de outro mundo visita o lar dos Murry e fornece uma pista importante sobre o paradeiro do Sr. Murry. Meg, Charles Wallace e o amigo Calvin O’Keefe começam então uma viagem perigosa no tempo e no espaço para salvarem o Sr. Murry. São assistidos pelas estranhas visitas dos Murry, a Sra. Quéisso, a Sra. Quem e a Sra. Qual. As crianças veem-se em breve no centro de uma luta entre o bem e o mal, que ameaça destruir a liberdade e a individualidade. Pelo caminho, desenvolvem força, coragem e capacidades que não sabiam ter. Para Meg, em especial, a viagem é mais do que uma aventura ou uma missão para ajudar os outros: é também uma viagem de autodescoberta que muda as suas ideias sobre si própria e as pessoas que a rodeiam.

Opinião: Este livrinho veio-me parar às mãos depois de uma sugestão especial e enquanto procurava uma leitura descontraída, no início desta semana, senti-me compelida a pegar nele. A promessa de ser um clássico juvenil com uma premissa dentro da ficção científica deixou-me curiosa e acabei a deparar comigo completamente rendida à história de Meg e do seu irmão tão especial, Charles Wallace. Com a posterior junção de Calvin, estes três tornaram-se meus companheiros durante dois dias e confesso-me já com saudades deles!

O pai de Meg e de Charles Wallace anda desaparecido há imenso tempo. Para piorar a situação, estes dois irmãos são peritos em verem-se envolvidos em situações constrangedoras por serem considerados autênticas aberrações. O que os ‘normais’ não sabem, é que estes são dois seres com capacidades fora do vulgar e ainda por serem exploradas… Até que Charles Wallace apresenta o trio das Senhoras Quéisso, Quem e Qual. É aqui que a verdadeira aventura começa.

Após a reunião deste grupo tão insólito, vários factos tomam forma de um medo puro em relação ao mal que anda a asfixiar o universo e como não podia deixar de ser, Meg, Charles Wallace e Calvin comprometem-se a fazer de tudo para recuperar o pai dos dois irmãos e em derrotarem essa força obscura. Só a união do grupo poderá fazer frente às dificuldades e à força dominadora que invade as suas mentes controlando-as. Quando o elemento mais forte do grupo é subjugado, valores mais altos se levantam travando-se a derradeira batalha.

Uma história encantadora, ternurenta, em que Madeleine L’Engle explora a vida extraterrestre construindo um enredo original. O público-alvo é claramente juvenil, valorizando-se a amizade, o amor, o companheirismo e a confiança, sendo, ainda assim, um regalo para os mais velhos. Penso que é um excelente livro para introduzir os mais novos em mundos fantásticos e uma alternativa de qualidade aos que se deixaram fascinar pelo Harry Potter e companhia. Recomendo vivamente.

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on pinterest
Share on whatsapp
Subscrever
Notificar-me de
guest
0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments
  • Sobre

    Olá a todos, sejam muito bem-vindos! O meu nome é Sofia Teixeira e sou a autora do BranMorrighan, o meu blogue pessoal criado a 13 de Dezembro de 2008.

    O nome tem origens no fantástico e na mitologia celta. Bran, o abençoado, e Morrighan, a deusa da guerra, têm sido os símbolos desta aventura com mais de uma década, ambos representados por um corvo.

    Subscritores do blog

    Recebe notificação dos novos conteúdos e partilhas exclusivas. Faz parte da nossa Comunidade!

    Categorias do Blog

    Leituras da Sofia

    Apneia
    tagged: currently-reading
    A Curse of Roses
    tagged: currently-reading

    goodreads.com

    2021 Reading Challenge

    2021 Reading Challenge
    Sofia has read 0 books toward her goal of 40 books.
    hide