[Opinião Blog Morrighan] First Breath After Coma na FNAC Chiado – Um espaço pequeno para tanta dimensão

María Barba photographer

É raro o dia que tenho livre de compromissos. Já não tinha um desde Setembro ou Outubro e o universo lá conjugou os astros para que para além de poder descansar grande parte do dia, poder também ir ver os First Breath After Coma, num showcase, à FNAC Chiado. 

Aqui há dias falei sobre o álbum deles e da experiência que foi ouvi-lo (http://www.branmorrighan.com/2013/12/opiniao-blog-morrighan-misadventures-of.html).

Ao que parece, há muito mais para ser dito, muito mais para ser ouvido e experienciado. Ao vivo, soaram ainda melhor que em estúdio! 

Faltava pouco para as 19h quando me sentei numa das mesas da FNAC, com o meu café, à espera que a banda entrasse em palco. Com uns minutinhos de atraso, em jeito ansioso, lá entraram eles, cada um posicionando-se no seu lugar. Começaram um nada tímidos para rapidamente explodirem e libertarem-se, enchendo e preenchendo o espaço da FNAC.

Gostei muito da energia que conseguiram emanar, da vibração que provocaram em quem os ouvia. Notava-se que algumas das pessoas presentes desconheciam o trabalho desta banda, mas o que é certo é que na segunda metade do showcase já se viam pés a bater por todo o lado, algumas pessoas menos tímidas já abanavam a cabeça, mas os comentários positivos, esses, não faltaram (pelo menos à minha volta).

A mim espantou-me, confesso, o facto de serem uma banda tão nova (em tempo de existência e de idades dos seus músicos), mas já com tanta maturidade. Falo a nível de presença, de postura, de interacção com o público e da qualidade da exibição. Fizeram-me sair daquela sala por momentos, viajando através dos acordes, da bateria e da voz.

Parece-me que estamos perante um banda que pode ser o que quiser no futuro, assim mantenham a paixão que demonstram actualmente. Qualidade não lhes falta, personalidade também não e aposto que querer e força de vontade também não. Gostava imenso de os ver a actuar em Paredes de Coura, a casa/palco ideal para uma banda destas, na minha opinião.

E pronto, foram uns minutos muito bem passados neste meu dia inédito de descanso em que ainda trouxe não só o cd deles para casa como o Cabeça do Filho da Mãe. Toda a sorte do mundo para os First Breath After Coma é o que desejo. 

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on pinterest
Share on whatsapp
Subscrever
Notificar-me de
guest
0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments
  • Sobre

    Olá a todos, sejam muito bem-vindos! O meu nome é Sofia Teixeira e sou a autora do BranMorrighan, o meu blogue pessoal criado a 13 de Dezembro de 2008.

    O nome tem origens no fantástico e na mitologia celta. Bran, o abençoado, e Morrighan, a deusa da guerra, têm sido os símbolos desta aventura com mais de uma década, ambos representados por um corvo.

    Leituras da Sofia

    Apneia
    tagged: currently-reading
    A Curse of Roses
    tagged: currently-reading

    goodreads.com

    2021 Reading Challenge

    2021 Reading Challenge
    Sofia has read 0 books toward her goal of 40 books.
    hide

    Categorias do Blog

    Subscritores do blog

    Recebe notificação dos novos conteúdos e partilhas exclusivas. Faz parte da nossa Comunidade!