[Queres é (a) Letra!] Benjamim – Auto Rádio – O Quinito foi para a Guiné

A viagem em Auto Rádio continua, desta vez com a já simbólica música “O Quinito foi para a Guiné”. Na entrevista que fiz ao Luís, e que espero publicar brevemente, ele explica como é que esta música surgiu, mas pela letra também podemos ter uma ideia. E sim, o Quinito existe, foi para a Guiné e agora tem uma música em sua homenagem! Deixo-vos com a canção e a letra.

O Quinito foi para a Guiné,

trouxe a sombra, voltou de pé.

E nos braços sobra o velho Ultramar

mas ele queria era ficar.

O Quinito voltou de pé.


O Quinito não viu o filho nascer

e na guerra não há saber perder,

marchou sobre a terra e sobre o mar

mas o nobre povo nada tem para dar.


O Quinito foi para a Guiné,

o Quinito foi para a Guiné


O Quinito foi para a Guiné,

estancou as feridas de uma só vez.

E dança que os males são para espantar,

mais um copo para matar,

que esta vida é um bar.

O Quinito foi para a Guiné. Ié, ié.

O Quinito foi para a Guiné.

O Quinito foi para a Guiné. Ié, ié.

O Quinito foi para a Guiné.

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on pinterest
Share on whatsapp
Subscrever
Notificar-me de
guest
0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments
  • Sobre

    Olá a todos, sejam muito bem-vindos! O meu nome é Sofia Teixeira e sou a autora do BranMorrighan, o meu blogue pessoal criado a 13 de Dezembro de 2008.

    O nome tem origens no fantástico e na mitologia celta. Bran, o abençoado, e Morrighan, a deusa da guerra, têm sido os símbolos desta aventura com mais de uma década, ambos representados por um corvo.

    Leituras da Sofia

    Apneia
    tagged: currently-reading
    A Curse of Roses
    tagged: currently-reading

    goodreads.com

    2021 Reading Challenge

    2021 Reading Challenge
    Sofia has read 0 books toward her goal of 40 books.
    hide

    Categorias do Blog

    Subscritores do blog

    Recebe notificação dos novos conteúdos e partilhas exclusivas. Faz parte da nossa Comunidade!