[Diário de Bordo] A um mês dos “7 Anos Blog BranMorrighan” !

Novo logótipo por Marta Banza

2015, que ano! E ainda não acabou… Pouco mais falta do que mês e meio para terminar, mas a verdade é que desde que começou que parece que já vivi mil vidas, tão diferentes umas das outras. O post de reflexão virá daqui a um mês, a 13 de Dezembro, dia em que o blogue comemora os seus sete anos, mas agora que decidi avançar com umas quantas iniciativas acho importante fazer este pequeno desabafo.

Antes de mais, quero pedir desculpa por eventualmente vir a ferir alguma susceptibilidade, mas cada um é como cada qual e eu penso que perceberão o contexto. A verdade é que o Luís Miguel Rocha morreu. Passados estes meses todos eu ainda estou a tentar processar a sua ausência. É como um vazio constante, um pequeno abismo que trago comigo. Se nos últimos dois anos os aniversários do blogue deram origem a eventos (Auditório Orlando Ribeiro, Musicbox e Maus Hábitos) e a obras literárias (a primeira pela Editorial Divergência, a segunda pela Livros de Ontem) tal não aconteceu sem que o Luís fosse uma força motriz destas iniciativas. Já o disse antes, mas reafirmo, poucos acreditavam em mim como ele. Sempre que expressava alguma dúvida ou insegurança, ele conseguia fazer com que eu acreditasse que era capaz de (quase) tudo.

Como devem imaginar, num ano em que já fiz três lutos, pensar em festas e em comemorações de algo que me ligou tanto a uma pessoa parece quase anedótico. O problema é que sei que ele ficaria chateadíssimo comigo se por um momento eu pensasse em baixar os braços. Mas a verdade é que pensei. Pensei em acabar com o blogue, pensei em desistir do doutoramento, pensei em muita coisa menos boa. Não por ele ter morrido, mas porque por vezes a vida parece que nos confunde as voltas e deixamos de ver sentido em algumas coisas.

Há muito que continua a não estar bem. A vida pessoal de cada um só a si mesmo diz respeito e lá porque mostramos uma face alegre e sorridente a toda a hora, não quer dizer que a vida seja uma ilha paradisíaca. Ainda assim, acho importante que a pouca força que se vai arranjando convirja em algo bom, em algo positivo. Penso que se há pessoas que nos inspiram, o mínimo que podemos fazer é corresponder e tentar inspirar alguém. Não interessa quem. Nos pequenos momentos e pequenos gestos as pessoas tocam a nossa vida e se calhar também nós tocamos as dos outros sem termos consciência disso. Adiante…!

O 7º Aniversário vai para a frente e estão a ser feitos esforços para que seja mais um aniversário muito especial. Cada forma de expressão neste aniversário vai conter em si muito de mim e do que têm sido os últimos sete anos. Quero começar pela ilustração, que só verão no dia 13 de Dezembro, em estreia, mas cujos vislumbres já andam a circular nas redes sociais. Este ano quebramos o ritual de serem homens a assumirem a ilustração representativa do aniversário para termos uma estreia feminina – a Marta Banza! Muitos poderão já tê-la visto, e até conhecido, através do projecto Tio Rex (crime se não conhecerem nem um nem outro!). A Marta é uma pessoa incrível, multi-facetada, estuda, desenha, fotografa, toca, canta, eu sei lá! Mulher dos sete ofícios, diria eu, impecável para os sete anos do blogue. O resultado está muito querido e não será difícil associarem rapidamente todas as vertentes do blogue e pessoais, e ainda uma pequena homenagem. Estou ansiosa por poder partilhá-la convosco.

Outra novidade que quero anunciar, para começar a suscitar a curiosidade, é que estabeleci uma colaboração com o Matéria Negra para um projecto de ilustração e escrita inspirado em sete deuses celtas! Tanto a ilustração oficial como este projecto terão os seus posts próprios de apresentação e destaque, mas resumindo: quis voltar às origens. Sete anos é já uma janela temporal suficientemente grande para dar conta da enormidade de experiências que o blogue já me proporcionou. As parcerias literárias, as entrevistas, os convites para projectos externos, organização de eventos, coordenação de colectâneas, tanta, tanta coisa! Mas então, e como é que tudo começou? De onde vem o nome do blogue? Fazem-me tantas vezes esta pergunta que este ano decidi usar o aniversário como pretexto para revisitar a minha curiosidade genuína na mitologia e desafiar outros a entrarem nesse mundo e a saberem mais também! A colaboração com o Matéria Negra é mesmo isso: 7 pessoas ilustrarão 7 deuses, 7 pessoas escreverão sobre esses mesmos 7 deuses. A Matéria Negra ficou a cargo das ilustrações, eu estou a cargo de coordenar os escritos. Brevemente revelarei quem pertence ao quê!

Preparem-se também para reservarem já dia 15 de Janeiro nas vossas agendas. Vou voltar a assaltar o Musicbox para uma nova festança de aniversário! A data no Porto está por confirmar, mas o meu querido pessoal do norte não está esquecido. 

Pessoal dos livros, não se preocupem, o mês inteiro de grandes passatempos vai existir! De 13 de Dezembro a 13 de Janeiro os espaços no Morrighan vão ser especialmente dedicados a parceiros e a leitores. Se quiserem fazer parte do aniversário, seja através de uma mensagem ou de uma proposta de colaboração, basta enviarem mail para branmorrighan[at]gmail.com! Tem sido muito bonito receber as mensagens de apoio dos leitores, é o que dá sempre mais força. 

E pronto, se aguentaram ler até aqui acreditem que vos admiro muito. Desculpem o tom inicial do post mais sombrio, mas como podem ver a memória continua bem viva, tal como a influência. Brevemente mais notícias e coisas boas!

Páginas importantes:

Luís Miguel Rochahttps://www.facebook.com/authorluismiguelrocha

Marta Banzahttps://www.facebook.com/MBanzaPhotography

Matéria Negrahttps://www.facebook.com/materianegra2014

Musicbox Lisboa: https://www.facebook.com/MUSICBOXLISBON

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on pinterest
Share on whatsapp
Subscrever
Notificar-me de
guest
8 Comentários
Mais antigo
Mais recente Most Voted
Inline Feedbacks
View all comments
Sofia
Sofia
5 anos atrás

É mesmo assim que tem de ser. Andar para a frente e nunca para trás, às vezes mudar de trajetória é o melhor, mas só quando o caminho onde estamos vai acabar. Mas se há espaço para mais, então é descobrir maneiras de continuar o nosso caminho, saltando as coisas menos boas, e sorrindo para as coisas melhores e uma delas é memórias e experiências com que ficamos. Um dia de cada vez é o melhor. Hoje estamos cá, amanhã logo se vê. Não faças amanhã o que podes fazer hoje. São estes os meus lemas. Muita força e parabéns aos 6 anos e 11 meses do blogue.

Rosana Maia
Rosana Maia
5 anos atrás

Olá Sofia 🙂
Há coisas que só fazem sentido se vierem do coração. E este post é um deles! Podias ter dito tudo de uma maneira artificial, mas aí seria apenas uma agenda de eventos! E agendas há muitas!!!
É por existirem posts como estes que eu leio e visito alguns blogs. Porque me fazem ou sorrir, ou pensar, ou sei lá! 🙂
Não vou dar já os parabéns porque ainda não é dia 13, mas espero que esta comemoração e os projetos a que te dedicaste corram bem! 🙂
Beijinhos,
Rosana

Morrighan
Morrighan
5 anos atrás

Olá Sofia!

Muito obrigada pelo teu comentário! 🙂
Eu acho que o ciclo aqui no BranMorrighan ainda não terminou. Também não sei se dura muito mais e com certeza que outras ideias me andam a passar pela cabeça, mas vamos ver onde o caminho leva. Gostei mesmo da tua mensagem, é bom de vez em quando receber este feedback. A maior parte das vezes parece que se escreve para o vazio!

Um grande beijinho!

Morrighan
Morrighan
5 anos atrás

Olá Rosana!

Como sempre és um amor comigo e com o blogue. Só te posso agradecer o apoio e as palavras carinhosas que me vais deixando por aqui. Tenho pena de não ter assim tanta disponibilidade mental para escrever mais posts assim, mas admito que são os que me dão mais gozo. Às vezes a falta de interacção com quem me lê, por ausência de feedback, acaba por colocar sempre aquela questão "será que vale a pena"? Mas olha, tem valido 🙂

Grande beijinho e até breve!

Andreia Navarro
Andreia Navarro
5 anos atrás

A vida é uma aprendizagem constante e mesmo naqueles momentos em que o chão nos parece fugir debaixo dos pés aprendemos algo. Pode parecer cliché, mas acredito nessa espécie de mantra. Apenas conheço a Sofia "do blog", mas parece-me uma moça cheia de garra e que, mesmo dorida, vai em frente – o que me dá ainda mais gozo em ler o que escreves, pois sei que se o dizes é porque o sentes na realidade!
Go girl!! 😀 E que venham, no mínimo, mais sete!
Um beijinho*

Morrighan
Morrighan
5 anos atrás

Olá Andreia,

É mesmo isso. Estamos sempre a aprender. Partilho contigo dessa visão, aliás, acho que é quando estamos mais no fundo que aprendemos mais.

Obrigada pelo teu apoio e pela mensagem tão positiva! No fundo garra todos temos, às vezes apenas está adormecida! Quanto ao que digo sim, sinto mesmo 🙂 Neste blogue não faz sentido ser de outra maneira!

Que venham mais sete e contigo desse lado também! Eheheh

Beijinho e bom fim-de-semana *

Carla M. Soares
Carla M. Soares
5 anos atrás

Querida Sofia, desistir não (eu sei que foi só uma tentação, entendo-a tão bem!).

Dá uma espreitadela ao caminho atrás de ti, depois vira-lhe as costas e avança. Essa tua força há de carregar-te e estamos cá para o que for preciso (nem é preciso dizer, mesmo mais caladinha, que isto para estes lados também anda pelo menos a mil).

Um abraço apertado.

Morrighan
Morrighan
5 anos atrás

Querida Carla,

Obrigada pela tua força e carinho incansáveis. De coração <3

Isto vai tudo avançar! Às vezes apenas custa mais um bocadinho 🙂

beijo beijo beijo!

  • Sobre

    Olá a todos, sejam muito bem-vindos! O meu nome é Sofia Teixeira e sou a autora do BranMorrighan, o meu blogue pessoal criado a 13 de Dezembro de 2008.

    O nome tem origens no fantástico e na mitologia celta. Bran, o abençoado, e Morrighan, a deusa da guerra, têm sido os símbolos desta aventura com mais de uma década, ambos representados por um corvo.

    Subscritores do blog

    Recebe notificação dos novos conteúdos e partilhas exclusivas. Faz parte da nossa Comunidade!

    Categorias do Blog

    Leituras da Sofia

    Apneia
    tagged: currently-reading
    A Curse of Roses
    tagged: currently-reading

    goodreads.com

    2021 Reading Challenge

    2021 Reading Challenge
    Sofia has read 0 books toward her goal of 40 books.
    hide