[Opinião Blog Morrighan] Governo Brasileiro Prepara Decreto para Adiar Acordo Ortográfico para 2016

Para quem não sabe, desde o início que sou contra o acordo ortográfico. Chamem-me nomes, chamem-me o que quiserem, mas a verdade é que a minha posição pessoal em relação a este assunto é completamente imutável.

Sim, tenho lido livros já escritos com o acordo ortográfico, mas isso em nada muda a minha posição. Eu continuo e continuarei a escrever como sempre escrevi e logo se verão as consequências (ou não).

Por isso, foi com bastante gozo que li a notícia de que o governo brasileiro está prestes a dar a Portugal uma grande chapada de luva branca. E para verem que não sou a única, deixo-vos um excerto da opinião pessoal da minha querida autora Deana Barroqueiro:

Se se confirmar esta notícia, talvez haja uma esperança de voltarem atrás com a aberração do Acordo Ortográfico. Senhores Governantes de Portugal e, sobretudo, Senhores autores do A. O., assim como os responsáveis das instituições de Cultura, os Editores e jornalistas que se apressaram a pô-lo em prática antes da data oficial, vejam como vos pagam no Brasil pela vossa subserviência e pela corrupção da nossa riquíssima Língua Portuguesa, origem de todas as outras dos países que falam Português! Os que cometeram o crime de lesa-Pátria, à revelia de todos os que amam a nossa Língua (e a utilizam como uma nobre arte), façam um clube ou uma Fundação e fiquem a falar entre si esse dialecto que criaram!

A notícia é a seguinte:

O senador Cyro Miranda (PSDB-GO) disse hoje que o novo acordo ortográfico da língua portuguesa deverá ter vigência obrigatória só a partir de 31 de dezembro de 2015.

O acordo, assinado em 2008 por sete países da Comunidade de Países de Língua Portuguesa, e que pretende simplificar as regras ortográficas e aumentar o prestígio social da língua no cenário internacional, valeria a partir de 1º de janeiro de 2013 no Brasil. No entanto, de acordo com Cyro Miranda, a presidenta Dilma Rousseff declarou que vai emitir um decreto adiando a data.

O senador diz que havia entrado com uma proposta de resolução para o adiamento, mas que a presidenta a dispensou, já que o processo de aprovação desse tipo de norma é mais demorado.

Miranda acredita que o ideal seria adiar a vigência para 2018 e sugere que seria necessária a elaboração de outro acordo, que tenha a contribuição de mais setores da sociedade. “Além do novo acordo ter sido muito malfeito, os professores ficaram de fora”, disse. “Precisamos rever tudo. Temos que descomplicar a língua, se não vai ser só retórica… temos que aprovar um formato com lógica. [O novo acordo] tem tanta exceção que os professores não sabem o que vão ensinar”.

O senador também disse que o governo indicou que vai sugerir aos outros países que adiem a vigência do novo acordo para que todos possam fazer uma total reformulação. Ele diz que em Portugal o acordo só vai valer a partir de 31 de dezembro 2015. Em Cabo Verde a vigência do acordo está programada para 2016.

Edição: Fábio Massalli

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on pinterest
Share on whatsapp
Subscrever
Notificar-me de
guest
6 Comentários
Mais antigo
Mais recente Most Voted
Inline Feedbacks
View all comments
Ivonne Zuzarte
Ivonne Zuzarte
8 anos atrás

Concordo com o post, Sofia (e, logicamente, contigo). Nunca gostei do novo A.O. e as vezes em que tentei escrever de acordo com ele foram uma desgraça e tenho vergonha delas… Nunca mais! A não ser que as ditas consequências me alcancem e seja uma questão de "vergar ou morrer". Não fica lá muito bem, mas dá para perceber!

No início, quando se falava do novo A.O. pensei "bem, pareço aqueles velhos que não concordam com as mudanças". Contudo, esses "velhos" [Lamento o termo, mas foi o que usei mesmo] não concordam com algumas mudanças e geralmente são mudanças que em nada nos bonificam (a maioria, vá), como é o caso do novo A.O.

As imagens estão B-R-U-T-A-I-S! Então a primeira está… hilariante. E, infelizmente, retrata bem a situação.

A parte da "chapada de luva branca" fez-me, mais uma vez, concordar contigo.

Portugal sempre foi atrás como um cachorrinho… Nunca se impôs perante nada, já era altura.

"Pretende simplificar as regras ortográficas e aumentar o prestígio social da língua no cenário internacional"? Não me interpretes mal, Sofia, nada tenho contra os brasileiros e sou das primeiras a defender a igualdade perante todos, agora isto é uma tanga… (e face a este post, talvez concordes comigo, não sei). A mim, parece-me para elevar a língua brasileira (que não o é, pois deriva da portuguesa…). Infelizmente, não tenho conhecimentos para continuar a partir daqui e por isso termino por agora.

Obrigada por mais um grande post!

Unknown
Unknown
8 anos atrás

Concordo plenamente e acho que não conheço ninguém que apoie o acordo ortográfico! É horrível o que estão a tentar fazer à nossa língua 🙁

Morrighan
Morrighan
8 anos atrás

Ray*, sim, concordo contigo 🙂
Eu achei as imagens mega adequadas. Não tinha planeado fazer este tipo de posts, mas ultimamente a minha veia mais crítica não se tem conseguido segurar!!!

Obrigada eu por me leres 🙂

Morrighan
Morrighan
8 anos atrás

Dalila Monteiro, não se percebe, nem sei se se irá perceber algum dia. Há quem chame a isto evolução, eu chamo estupidez.

Unknown
Unknown
8 anos atrás

Devo dizer, por parte de grande parte dos Portugueses, que também estamos contra esse tal de acordo ortográfico dos portugueses.
A realidade é que se juntaram um bando de assassinos de cultura e optaram por assassinar a nossa língua tão rica em sentires e viveres.
Também me recuso a escrever com o novo acordo. Apesar da mudança apenas afectar 2% da nossa língua, é um assassinato completo à evolução, ao nosso património tão rico que é a Língua Portuguesa.

O problema é que os grandes lobbies querem a todo o custo que essa mudança ocorra, e fazem pressão.

Não quero saber das justificações ignorantes que usam para tentar limpar-nos a mente. Eu serei Portuguesa do antigo acordo pela eternidade. Podem tentar mudar a língua, mas eu não largarei as raízes.

Morrighan
Morrighan
8 anos atrás

Sofia, Obrigada pelo teu comentário.

Sabes, em conversa no facebook, houve quem dissesse que o acordo fazia parte da evolução da língua.

Parece-me que neste caso vou-me recusar a evoluir desta maneira.

Beijinhos

  • Sobre

    Olá a todos, sejam muito bem-vindos! O meu nome é Sofia Teixeira e sou a autora do BranMorrighan, o meu blogue pessoal criado a 13 de Dezembro de 2008.

    O nome tem origens no fantástico e na mitologia celta. Bran, o abençoado, e Morrighan, a deusa da guerra, têm sido os símbolos desta aventura com mais de uma década, ambos representados por um corvo.

    Subscritores do blog

    Recebe notificação dos novos conteúdos e partilhas exclusivas. Faz parte da nossa Comunidade!

    Categorias do Blog

    Leituras da Sofia

    Apneia
    tagged: currently-reading
    A Curse of Roses
    tagged: currently-reading

    goodreads.com

    2021 Reading Challenge

    2021 Reading Challenge
    Sofia has read 0 books toward her goal of 40 books.
    hide