Opinião: O Canto de Aquiles de Madeline Miller

O Canto de Aquiles

Madeline Miller

Editora: Bertrand

Sinopse: Aquiles, «o melhor dos gregos», filho da cruel Tétis e do lendário rei Peleu, é forte, veloz e belo – irresistível para todos aqueles que o conhecem. Pátroclo é um jovem príncipe inábil, exilado na sequência de um ato de grande violência. Criados juntos por uma questão de circunstâncias, constroem uma ligação inseparável, mas arriscam a ira divina. São treinados pelo centauro Quíron nas artes da guerra e da medicina, mas, quando chegam os rumores de que Helena de Esparta foi raptada, todos os heróis da Grécia são convocados para cercarem a cidade de Troia. Seduzido pela promessa de um destino glorioso, Aquiles junta-se à causa e Pátroclo, dividido entre o medo e o amor pelo seu amigo, segue-o. Mal sabem eles o que as cruéis Moiras lhes reservam…

Opinião: O Canto de Aquiles é um maravilhoso romance que envolve mitologia, amor e a famosa guerra de Tróia. São várias as versões que vão aparecendo sobre os heróis gregos, mas são poucas as que trazem algo de novo e excitante, tornando a leitura viciante e imperdível. Madelina Miller conseguiu-o de uma forma brilhante e eu deleitei-me com esta fabulosa história de Aquiles e Pátroclo.

Segundo reza a lenda, Zeus e Posídon queriam Tétis para esposa. Porém, Prometeu profetizou que o filho da Deusa seria maior que o seu pai e para que tal não acontecesse, os deuses deram Tétis ao humano Peleu a fim de enfraquecer o seu filho. Dessa união forçada nasceu Aquiles. Mesmo sem o sangue completamente divino, rapidamente Aquiles deu provas de ser o mais valente e valoroso dos guerreiros. É a sua vida, sob os olhos de Pátroclo que assistimos nesta obra.

A Mitologia grega está recheada de uma variedade de versões para as mesmas histórias admirável. Madelina Miller criou aqui mais uma. Pátroclo é um exilado na corte de Peleu. Sempre solitário, um dia Aquiles convida-o para ser o seu companheiro e irmão de armas. O que não esperavam é que, enquanto os outros rapazes das duas idades descobriam os prazeres da vida com as escravas, se apaixonassem um pelo outro. E é esse amor que vai acabar por ser determinante em alguns dos acontecimentos.

A narrativa em termos históricos está bastante fiel à versão principal da guerra de Tróia. A escrita é simples, mas viciante, levando-nos a questionar sempre qual será o próximo passo dos nossos heróis. Sempre atormentados por Tétis, o destino de Aquiles é uma incógnita constante. Optará pela glória e por uma vida curta, ou preferirá viver uma vida recatada, mas longa, ao lado de quem ama?

O Canto de Aquiles é um livro que agradará, certamente, a todos os amantes de mitologia grega e aos fascinados pelas histórias dos heróis gregos. Sinceramente, adorei o livro e aconselho-o vivamente.

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on pinterest
Share on whatsapp
Subscrever
Notificar-me de
guest
0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments
  • Sobre

    Olá a todos, sejam muito bem-vindos! O meu nome é Sofia Teixeira e sou a autora do BranMorrighan, o meu blogue pessoal criado a 13 de Dezembro de 2008.

    O nome tem origens no fantástico e na mitologia celta. Bran, o abençoado, e Morrighan, a deusa da guerra, têm sido os símbolos desta aventura com mais de uma década, ambos representados por um corvo.

    Leituras da Sofia

    Apneia
    tagged: currently-reading
    A Curse of Roses
    tagged: currently-reading

    goodreads.com

    2021 Reading Challenge

    2021 Reading Challenge
    Sofia has read 0 books toward her goal of 40 books.
    hide

    Categorias do Blog

    Subscritores do blog

    Recebe notificação dos novos conteúdos e partilhas exclusivas. Faz parte da nossa Comunidade!