Opinião: O Inferno de Gabriel de Sylvain Reynard

O Inferno de Gabriel

Sylvain Reynard

Editora: Saída de Emergência

Sinopse: O enigmático e sedutor professor Gabriel Emerson é um reputado especialista na obra de Dante. Mas à noite dedica-se a uma vida de prazer sem limites, não hesitando em usar a sua beleza de cortar a respiração para manipular as mulheres a satisfazerem cada capricho seu. Talvez por isso se sinta torturado pelo passado e consumido pela crença de que está para lá de qualquer salvação. Quando a jovem Julia Mitchell se inscreve como sua aluna de pósgraduação, Gabriel não consegue ficar indiferente. Ela é linda, deliciosamente inocente, um diamante em bruto para ele polir. Sempre que Julia se apercebe do olhar de predador dele, espera sentir receio, mas o que verdadeiramente sente é uma estranha luxúria que a assusta. Desejando desesperadamente possuí-la, Gabriel põe em perigo não só a sua carreira, como ameaça desenterrar segredos de um passado que preferia manter oculto. Uma história inebriante sobre amor proibido, luxúria e redenção, O Inferno de Gabriel retrata a jornada de um homem que procura escapar do seu próprio inferno pessoal enquanto tenta conquistar o impossível: perdão e amor.

Opinião: O Inferno de Gabriel andava-me a seduzir na estante desde Janeiro, mas sendo uma obra relativamente grande para andar comigo nos transportes, acabei por ir adiando a sua leitura… Até que chegou uma altura em que, após o término de uma das minhas leituras, não consegui resistir mais. Fui buscá-lo à estante, comecei a lê-lo naquele tempo reservado antes de ir dormir, e não tivesse eu cuidado tinha ficado acordada a noite toda. Sem dúvida uma surpresa muito agradável.

Na onda dos romances eróticos/sensuais, esta é uma das histórias mais completas e equilibradas resultando numa obra viciante, cheia de luxúria e de desejo. O autor vai avançando no seu próprio ritmo, dando tempo ao leitor de absorver os acontecimentos e os sentimentos das personagens dando a sensação de que tudo acontece quando devia acontecer e até como devia acontecer. A ligação leitor/personagens é inevitável. Eles conquistam-nos logo desde o início.

As personagens Julia e Gabriel são fascinantes, cada um à sua maneira. Mesmo com os seus passados sombrios, nenhum baixa os braços apesar de numa primeira impressão sentirmos que ambos já desistiram de si mesmos. Adorei o facto do autor ter entrelaçado história deste casal com a de Dante e Beatriz. O enrendo está extremamente interessante e todos os elementos culturais que foram sendo apresentados ao longo do livro, desde obras de arte a referências literárias e musicais, deram o seu toque de requinte à leitura.

O erotismo e a sensualidade estão muito bem explorados, tal como as sensações de ciúmes, perda e redenção. Há muito tempo que não sentia que uma história me preenchesse tanto as medidas como esta. Nota-se que houve muito cuidado e pesquisa na escrita, principalmente nos pequenos detalhes. Fiquei sem dúvida fascinada com Sylvain Reynard e confesso-me ansiosa por ler o próximo capítulo. Adorei.

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on pinterest
Share on whatsapp
Subscrever
Notificar-me de
guest
8 Comentários
Mais antigo
Mais recente Most Voted
Inline Feedbacks
View all comments
Anónimo
Anónimo
8 anos atrás

Já li e eu por acaso não achei nada de especial. :s Tem algumas coisas que lembram muito os personagens de 50 sombras. Coisas mesmo idiotas. A nível de escrita é muito melhor que as 50 sombras mas é uma história que me é totalmente indiferente e conseguia viver bem sem a ter lido.

Morrighan
Morrighan
8 anos atrás

Olá anónimo!

Lamento que assim tenha sido. Eu por acaso gostei. Acho que explora aspectos muito interessantes na interação entre duas pessoas sem entrar em exageros. E lá está, a parte cultural fascinou-me imenso. Conseguir conjugar tudo numa obra não é para qualquer um :))

Beijinho e boas leituras!

Madrigal
Madrigal
8 anos atrás

não vejo semelhanças entre este livro e as cinquenta sombras, a única que existe é a origem obscura enquanto fanfiction da saga twilight. até é absurdo toda esta propaganda que a saída de emergência faz em torno disso e que só afasta leitores, na minha opinião.

Morrighan
Morrighan
8 anos atrás

Olá Madrigal,

Nunca li as 50 Sombras e ainda assim acho na mesma o mesmo que tu. Mesmo sem ter lido não acho que essa comparação seja muito favorável.

Boas leituras.

Vera N. (Sinfonia dos Livros)
Vera N. (Sinfonia dos Livros)
8 anos atrás

Olá 🙂

Vim agradecer-te o facto de teres ido lá ao Sinfonia e teres deixado umas palavrinhas tão carinhosas!

Obrigada e fico feliz que tenhas gostado do selo 🙂

Uma pergunta off record: Sabes se chegaram a enviar o livro "Delírio" da editora? :p

Morrighan
Morrighan
8 anos atrás

Hello Vera!

Eu de vez em quando passo lá :))

Já enviei os teus dados, penso que deverá chegar até ao final desta semana. Mas se não chegar avisa-me!

Beijinho e boas leituras!

Unknown
Unknown
8 anos atrás

Também estou desejosa de ler este livro, já está na minha wishlist desde que saiu e agora ainda por cima já saiu o 2º vol., que dizem ser igualmente bom.
Tenho de me apressar porque acho que estou a perder 1boa historia.

Morrighan
Morrighan
8 anos atrás

Marta Dias, também estou à espera que o segundo volume chegue para acompanhar a continuação. Eu achei este muito bom :))

Beijinhos e boas leituras!

  • Sobre

    Olá a todos, sejam muito bem-vindos! O meu nome é Sofia Teixeira e sou a autora do BranMorrighan, o meu blogue pessoal criado a 13 de Dezembro de 2008.

    O nome tem origens no fantástico e na mitologia celta. Bran, o abençoado, e Morrighan, a deusa da guerra, têm sido os símbolos desta aventura com mais de uma década, ambos representados por um corvo.

    Subscritores do blog

    Recebe notificação dos novos conteúdos e partilhas exclusivas. Faz parte da nossa Comunidade!

    Categorias do Blog

    Leituras da Sofia

    Apneia
    tagged: currently-reading
    A Curse of Roses
    tagged: currently-reading

    goodreads.com

    2021 Reading Challenge

    2021 Reading Challenge
    Sofia has read 0 books toward her goal of 40 books.
    hide