Opinião: Faça Acontecer – Lean In – de Sheryl Sandberg

Faça Acontecer – Lean In

Sheryl Sandberg

Editora: Editorial Presença

Sinopse: Passaram já 30 anos desde que as mulheres se tornaram metade da população com formação universitária nos Estados Unidos. Contudo, são os homens que ainda estão à frente da maioria dos cargos mais elevados nas empresas e nos governos. Embora fatores como a discriminação constituam obstáculos reais à ascensão das mulheres a lugares de poder, elas são também condicionadas por crenças e atitudes enraizadas no subconsciente. Com Faça Acontecer Sheryl Sandberg pretende analisar e ajudar a derrubar estes obstáculos. Num tom bem-humorado, perspicaz e sobretudo realista, este livro encoraja as mulheres a não desistirem de desenvolver o seu potencial.

Opinião: Quando se começa a trabalhar, principalmente no meio empresarial, uma das primeiras noções que nos é incutida é que esse mundo é uma selva. Tal como quase todos os outros. Homens e mulheres competem por mostrar o seu valor, crescerem e fazerem carreira nas empresas em que se encontram. Tudo isto está muito bem, não fossem as coisas serem um bocadinho diferentes no que toca a mulheres em mundos de homens. 

O conceito de liderança está associado a personalidades fortes, a capacidade de gerir as mais diversas circunstâncias e de ainda se ser aceite e apoiado por quem é liderado. Esta imagem está frequentemente ligada ao homem. Quem é que imagina uma mulher como líder de uma grande empresa a comandar dezenas de homens, a ser responsável pelo rumo das operações e ainda a ser uma mãe dedicada e presente? Talvez muita gente, mas não certamente quem tem o poder de as colocar nessa posição, ou até mesmo as próprias mulheres com medo de não estarem à altura, de não se sentirem capazes ou até mesmo por ficarem intimidadas. O mesmo já não acontece com os homens, quanto mais não seja por não haver essa obrigatoriedade psicológica na sociedade de serem o cuidador principal da família. 

Sheryl Sandberg vem dar o seu testemunho, na primeira pessoa, de como a mentalidade da mulher e do homem podem mudar para este tipo de preconceitos terminarem. Num tom muito realista, Sheryl aborda as várias dificuldades e crises de identidade que muitas mulheres enfrentam, muitas vezes limitando-se a elas mesmas. A origem? Não existe só uma, mas antes um pensamento colectivo, por vezes intimidante, que leva a que muitas mulheres sofram da síndrome do impostor, por exemplo. Dei por mim a reconhecer-me nas palavras da autora o que não é uma coisa boa neste contexto. 

Faça Acontecer, é um livro que tanto homens como mulheres podem e devem ler. Elas para perceberem como é que podem continuar com as suas carreiras mesmo constituindo família, eles para perceberem como é que podem ajudar a que as mulheres cresçam e desenvolvam o seu potencial no seu meio de trabalho sem serem julgadas falsamente. O livro não tem a intenção de fazer das mulheres umas coitadinhas discriminadas, mas antes atribuir a responsabilidade às próprias mulheres de tomarem controlo sobre o que querem e que rumo ambicionam, fazendo notar que todas as limitações podem ser ultrapassadas. Recomendo vivamente. 

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on pinterest
Share on whatsapp
Subscrever
Notificar-me de
guest
0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments
  • Sobre

    Olá a todos, sejam muito bem-vindos! O meu nome é Sofia Teixeira e sou a autora do BranMorrighan, o meu blogue pessoal criado a 13 de Dezembro de 2008.

    O nome tem origens no fantástico e na mitologia celta. Bran, o abençoado, e Morrighan, a deusa da guerra, têm sido os símbolos desta aventura com mais de uma década, ambos representados por um corvo.

    Leituras da Sofia

    Apneia
    tagged: currently-reading
    A Curse of Roses
    tagged: currently-reading

    goodreads.com

    2021 Reading Challenge

    2021 Reading Challenge
    Sofia has read 0 books toward her goal of 40 books.
    hide

    Categorias do Blog

    Subscritores do blog

    Recebe notificação dos novos conteúdos e partilhas exclusivas. Faz parte da nossa Comunidade!