Citações Aleatórias #42 – João Tordo

A dor, por dentro, era tanta que parecia uma orquestra no meu peito. Disse para o ar: vai-te embora, prefiro que desapareças de uma vez por todas ou até que nunca tenhas existido, como é possível que a ausência de alguém seja tão mais pesada do que a sua presença, e como se vive assim sem enlouquecer de vez?

João Tordo, O Paraíso Segundo Lars D.

PS: O LMR faria hoje 40 anos. Tenho evitado o dia todo pensar nisto, refreio o instinto de me debruçar sobre a dor da sua ausência. Enquanto lia esta tarde o último romance do João Tordo, deparei-me com esta citação e retrocedi perto de 11 meses. Vai fazer 11 meses, dia 26. E não há nada que seja capaz de preencher essa ausência.

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on pinterest
Share on whatsapp
Subscrever
Notificar-me de
guest
0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments
  • Sobre

    Olá a todos, sejam muito bem-vindos! O meu nome é Sofia Teixeira e sou a autora do BranMorrighan, o meu blogue pessoal criado a 13 de Dezembro de 2008.

    O nome tem origens no fantástico e na mitologia celta. Bran, o abençoado, e Morrighan, a deusa da guerra, têm sido os símbolos desta aventura com mais de uma década, ambos representados por um corvo.

    Leituras da Sofia

    Apneia
    tagged: currently-reading
    A Curse of Roses
    tagged: currently-reading

    goodreads.com

    2021 Reading Challenge

    2021 Reading Challenge
    Sofia has read 0 books toward her goal of 40 books.
    hide

    Categorias do Blog

    Subscritores do blog

    Recebe notificação dos novos conteúdos e partilhas exclusivas. Faz parte da nossa Comunidade!