[Queres é (a) Letra!] HEMMA – Surma

É mais do que sabido que admiro o trabalho artístico da Débora Umbelino. Muito antes de ser Surma, já me fascinava com o seu talento e dedicação. Desde que se afirmou a solo, com Surma, que o seu percurso tem sido louvável. Cada passo no tempo em que tem que ser dado. Sem pressas, mas também sem protelar, tudo ao ritmo natural de quem quer explorar e descobrir qual o verdadeiro caminho a seguir. É das artistas portuguesas que mais concertos deu nos últimos dois anos e a evolução tem sido notável. HEMMA é tema que antecede o lançamento do seu disco de estreia, que sairá em Outubro com o nome “Antwerpen”,  Deixo-vos com as informações oficiais e com um vídeo lindíssimo, produzido pela Casota Collective que integra membros dos First Breath After Coma. Brevemente também falarei deles por aqui. Beijos! 

Se muitos perguntam pela origem do nome Surma, em “Hemma” vão encontrar um dos imaginários possíveis dessa origem, sendo inevitável também constatar que estamos perante uma nova fase da artista leiriense. Um renascimento que marca o início de uma nova viagem, tão introspectiva quanto bela.  

No disco “Antwerpen”, não encontrarão nenhum dos temas tocados nos últimos dois anos, mas antes temas inéditos e compostos de raiz.  

A produção áudio e os vídeos deste trabalho estão a ser desenvolvidos pela Casota Collective e a masterização está a cargo de Paulo Mouta Pereira.  

Nos próximos dias 29 e 30 de Junho, Surma junta-se à brasileira LaBaq nos palcos do Maus Hábitos, no Porto, e no Popular Alvalade, em Lisboa. Estes concertos marcam a entrada de “Hemma” no alinhamento da artista portuguesa. 

Sejam bem-vindos à nova vida de Surma. 

Surma é o nome da one woman band Débora Umbelino que chega de Leiria.  

Depois de lançar o tema “Maasai”, pisou palcos e festivais um pouco por todo o país, tendo também mostrado as suas primeiras composições em palcos do Reino Unido, Suécia, Alemanha, França e Espanha.  

Agora, ruma a “Antwerpen”.

E a viagem ainda mal começou. 


When you go far

So as you are

Where’d you go?

For what you came for?

To know where you are?

When you go?

*Go far*

Know your falls

Closely on

So you know

Hollow, empty space

Feeling undone

When you go?

*Go far*

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on pinterest
Share on whatsapp
Subscrever
Notificar-me de
guest
0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments
  • Sobre

    Olá a todos, sejam muito bem-vindos! O meu nome é Sofia Teixeira e sou a autora do BranMorrighan, o meu blogue pessoal criado a 13 de Dezembro de 2008.

    O nome tem origens no fantástico e na mitologia celta. Bran, o abençoado, e Morrighan, a deusa da guerra, têm sido os símbolos desta aventura com mais de uma década, ambos representados por um corvo.

    Leituras da Sofia

    Apneia
    tagged: currently-reading
    A Curse of Roses
    tagged: currently-reading

    goodreads.com

    2021 Reading Challenge

    2021 Reading Challenge
    Sofia has read 0 books toward her goal of 40 books.
    hide

    Categorias do Blog

    Subscritores do blog

    Recebe notificação dos novos conteúdos e partilhas exclusivas. Faz parte da nossa Comunidade!