Paganismo – Glossário Druida

Glossário Druida

Alban Arthan – Festival Druida do Solstício de Inverno, também conhecido como ‘A Luz de Artur’.

Alban Eilir – Festival Druida do Equinócio da Primavera, também conhecido como ‘A Luz da Terra’

Alban Elfed – Festival Druida do Equinócio de Outono, também conhecido como ‘A Luz da Água’

Alban Hefin – Festival Druida do Solstício de Verão, também conhecido como ‘A Luz da Costa’

Awen(Galês) – Inspiração, o dom ou a benção dos Deuses, ou da Deusa Ceridwen, mais especificamente a Patroa dos Bardos. Equivalente ao Imbas(Irlandês).

Bardo – Em tempos antigos, um poeta ou um contador de histórias que foi treinado num colégio de Bardos. Nos tempos modernos é alguém que vê a sua creatividade como uma habilidade espiritual inata e alguém que escolhe partilhar essa habilidade parcial ou totalmente com o Druidismo.

Beltane/Bealteinne– Festival Druida dedicado a celebrar a Primavera e a união entre o Deus e a Deusa. Significando ‘O Fogo Bom’, as celebrações de Beltane incluem, normalmente, danças e saltos à volta/por cima da fogueira. Celebrado por volta de dia 1 de Maio no hemisfério Norte e 1 de Outubro no hemisfério Sul.

Druida– Em tempos antigos era um filósofo, professor, conselheiro e feiticeiro. Druida significa ‘Sábio da Floresta’. Em tempos modernos, alguém que segue o Druidismo como caminho espiritual, ou alguém que já entrou no nível Druida num treino numa ordem Druida.

DruidCraft – Um tipo de pratica espiritual que combina Druidismo com o ‘craft‘ da Wicca, ou quando escrito com ‘c’ pequeno, pode referir ao ‘craft‘ do Druidismo.

Eisteddfod (plural Eisteddfodau)– Festival Bardico e uma competição das artes do espectáculo, do Galês, significando ‘uma reunião ou assembleia’. Normalmente aberto com uma cerimónia druida.

Equinócio – Altura da Primavera e Outono quando o dia e a noite têm a mesma duração. Representação de tempos de balanço e também de pontos de viragem do ano enquanto as estações mudam. São celebrados com cerimónias druidas.

Fferyllt – Alquimistas druidas. Há menções de que viveram em Snowdownia, Wales.

Gorsedd (plural Gorseddau)– Termos usado no Druidismo Galês para descrever uma Assembleia ou um grupo de Druidas. O termo significa, literalmente, ‘trono’, e é originalmente referentes a montes sagrados pré-históricos. que foram usados como sítios de assembleia para a inauguração de Reis, tribunais e celebrações de festivais. Um Druida Gorsedd abre, normalmente, um Eisteddfod.

Imbolc/Oimelc –Festival Druida da Deusa, em particular de Brighid, celebrado por volta de dia 1 de Fevereiro no Hemisfério Norte e 1 de Agosto no Hemisfério Sul.

Inner World – O nosso mundo interior pessoal que existe na nossa imaginação ou psique que às vezes pode ligar-nos a um objectivo.

Lughnasadh/Lammas – Festival Druida da Colheita, celebrado por volta de 1 de Agosto no Hemisfério Norte e 1 de Fevereiro no Hemisfério Sul.

Nwyfre – Termo druida para ‘Força da Vida’, provavelmente derivado de um mundo celta ancião ‘Naomh‘.

Otherworld– O mundo ou realidade que existe em paralelo com o mundo físico/rotineiro, que nós visitamos às vezes em sonhos ou durante a meditação. Os druidas acreditam que é para onde viajamos na morte do corpo físico. Também é designado por ‘SpiritWorld‘.

Ovate– Em tempos antigos era um profeta, um visionário, um curandeiro e um adivinho. Nos tempos modernos é alguém que estuda ou pratica ervanária, cura e adivinhação dentro de um contexto druida, ou alguém que entrou no nível de Ovate num treino dentro de uma ordem Druida.

Revival Druidry orThe Revival Period’ – Tempo entre os séculos 17, 18 e 19, quando o Druidismo foi redescoberto e reinventado.

Samhuinn/Samhain– Festival Druida em homenagem aos nossos ancestrais – um tempo para honrar aqueles que morreram. Celebrado por volta de 1 de Novembro no hemisfério Norte e 1 de Maio no hemisfério Sul.

Solstício– Dias no Verão e no Inverno que são o dia mais longo do ano e dia mais curto do ano, respectivamente. São tempos que representam uma poderosa influência celestial e terrestre. No Druidismo são celebrados através de cerimónias.

Summerlands/The Blessed Isles/Hy Breasil – Termos usados no Druidismo para o reino que existe no Otherwold para o qual viajamos aquando da morte física.

Tentativa de tradução do site da Ordem de Bardos Ovates e Druidas.

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on pinterest
Share on whatsapp
Subscrever
Notificar-me de
guest
1 Comentário
Mais antigo
Mais recente Most Voted
Inline Feedbacks
View all comments
Tinkerbell
Tinkerbell
10 anos atrás

adoro bue aprender sobre estas coisas 🙂 faz-me lembrar as brumas de avalon que já li há mt tempo e sou mt curiosa por este tema 😉

  • Sobre

    Olá a todos, sejam muito bem-vindos! O meu nome é Sofia Teixeira e sou a autora do BranMorrighan, o meu blogue pessoal criado a 13 de Dezembro de 2008.

    O nome tem origens no fantástico e na mitologia celta. Bran, o abençoado, e Morrighan, a deusa da guerra, têm sido os símbolos desta aventura com mais de uma década, ambos representados por um corvo.

    Leituras da Sofia

    Apneia
    tagged: currently-reading
    A Curse of Roses
    tagged: currently-reading

    goodreads.com

    2021 Reading Challenge

    2021 Reading Challenge
    Sofia has read 0 books toward her goal of 40 books.
    hide

    Categorias do Blog

    Subscritores do blog

    Recebe notificação dos novos conteúdos e partilhas exclusivas. Faz parte da nossa Comunidade!